ISABELLE EBERHARDT – Dans la Dune

Isabelle Eberhardt

Isabelle Eberhardt foi uma exploradora e escritora nascida em Genebra em 17 de fevereiro de 1877. Isabela teve uma educação bem completa para as mulheres da época: filosofia, história, geografia, química e medicina, também era fluente em vários idiomas: francês, russo, alemão, italiano, latim, grego e árabe. Em 1897 ela se mudou para a Argélia pouco após a mudança a autora se converteu ao Islã e passou a viajar pelo deserto vestida com trajes masculinos e adotando o nome de Si Mahmoud Saadi. Isabelle publicou diversos artigos em jornais, nos quais criticava abertamente a colonização francesa na Argélia. Ela escreveu uma dezena de obras entre as quais: relatos de viagens, diários e contos. A maioria de seus escritos são inspirados em suas viagens pelo deserto do Saara. Isabelle morreu em 1904 na Argélia, após o desmoronamento da casa onde morava.

Sobre o texto

O texto aqui traduzido, Dans la Dune, faz parte de uma coletânea de textos de Isabelle Eberhadt publicados no livro Au Pays des Sables (s.d). Esse conto aparece em outras coletâneas algumas mais contemporâneas.

Nesse conto, Isabelle reconstrói um espaço vivido constituído de uma interação da qual a escritora fez parte durante sua primeira passagem pelo Saara por volta de 1902. Dans la Dune foram publicados pela primeira vez em jornais argelinos e nos apresentam o Sul da Argélia, uma região pouco explorada na época.

A versão do conto usada para esta tradução é que aparece na coletânea Dans l’Ombre Chaude de l’Islam, uma edição anotada e comentada publicada pela primeira vez em 1921.

Sobre a tradutora

Sheila Cristina dos Santos é tradutora e professora de francês. Possui uma graduação em Língua e literatura francesa pela Universidade Federal de Santa Catarina (2016) e mestrado (2018) em Estudos da Tradução pela mesma instituição. Atualmente é doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução da Universidade Federal de Santa Catarina, na área de Teoria, Crítica e História da tradução. Seus principais interesses estão voltados para os seguintes temas: Literatura árabe de expressão francesa, Literatura de autoria árabe, Literatura de língua árabe, feminismo árabe.

Trecho da tradução

… Entre os arbustos, havia um desses Hassi numerosos do Saara, perdidos frequentemente fora de todas as rotas, poços estreitos e profundos, que apenas os guias conhecem.

A vegetação quase luxuriante do vale se explicava pela presença dessa água rasa.

Comecei a encher de água, até a metade a garrafa pendurada na ponta do meu cinto.

De repente, ouvi uma voz que dizia, bem atrás de mim:

– O que você faz aqui? (Texto completo para download, 594KB)

Como citar esta tradução

EBERHARDT, Isabelle. Dans la Dune. Tradução, prefácio e notas: Sheila Cristina dos Santos. Acácia – revista de tradução, Florianópolis, v. 2, n. 1, p. 174-225, 2019. ISSN 2595-3915. Disponível em: <http://www.revista-acacia.com.br/2019/01/isabelle-eberhardt>.

www.000webhost.com