ELPHINSTONE DAYRELL – Concerning the Fate of Essido and his Evil Companions; The Woman with Two Skins; The King’s Magic Drum

Ju Ju do povo Igbo

 

Elphinstone Dayrell (1869-1917) foi um Comissário Distrital do antigo Protetorado do Sul da Nigéria. O autor é mundialmente conhecido pelos textos que coletou e publicou no livro Folk Stories from Southern Nigeria – West Africa (1910), prefaciado por Andrew Lang. A história Why the Sun and the Moon live in the Sky ganhou um livro ilustrado por Blair Lent (1990) e é a história mais conhecida da coletânea de Elphinstone Dayrell. Além desta coletânea, o autor também publicou o livro Ikon Stories From Southern Nigeria (1913), em que ele mesmo é o prefaciador, e o artigo Further Notes on ‘Nsibidi Signs with Their Meanings from the Ikom District, Southern Nigeria (1911).

 

Sobre o texto

As três histórias selecionadas foram contadas por pessoas que viveram no antigo Protetorado do Sul da Nigéria. A identidade dessas pessoas não é revelada e nem a língua em que contaram essas histórias, mas sabemos que, embora elas tenham sido coletadas e publicadas em língua inglesa por Elphinstone Dayrel em 1910, elas são muito mais antigas do que isso; são narrativas que sobreviveram por gerações por meio da oralidade. Os três textos fazem parte da coletânea Folk Stories From Southern Nigeria, que conta com a introdução de Andrew Lang, que comenta cada uma das 40 histórias presentes na obra.

 

Sobre os tradutores

Fabrício Henrique Meneghelli Cassilhas (também conhecida como Fabris ou Feibriss) é tradutorx de histórias e professorx de inglês. É mestrx pelo Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução (PGET) na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e atualmente é doutorandx no mesmo programa com auxílio financeiro da CAPES. Faz parte do Netrans (Núcleo de Estudos e Pesquisas de Travestilidades, Transgeneridades e Transexualidades/UFSC), do Núcleo Literatual (Núcleo de Literatura Brasileira Atual – Estudos Feministas e Pós-Coloniais de Narrativas da Contemporaneidade), do Gesto (Grupo de Estudos em Oralidade e Performance) e do Perspectivas pós-coloniais: literaturas e culturas em língua portuguesa.

Yéo N’gana está preparando um doutorado em Estudos de Tradução com auxílio financeiro da CAPES. Possui uma Graduação em Letras (Português) pela Universidade Félix Houphouët Boigny (UFHB – 2010) e uma Maîtrise ès Lettres (2014) pela mesma instituição. Membro do Núcleo de pesquisa em História da Tradução (CNPq/UFSC).

 

Trecho da tradução

O chefe Oborri viveu numa cidade chamada Adiagor, que fica na margem direita do Rio Calabar. Ele era um chefe rico e pertencia à Sociedade Egbo. Ele tinha muitas canoas grandes, e muitos escravos para remá-las. Enchia cada uma dessas canoas com novos inhames e cada uma delas ficava sob a responsabilidade de um escravo e continha oito remos; as canoas tinham capacidade de 240 galões de óleo de palma e custavam oitocentas manilhas cada uma. (Texto completo para download, 762KB)

 

Como citar esta tradução

DAYRELL, Elphinstone. Concerning the Fate of Essido and his Evil Companions; The Woman with Two Skins; The King’s Magic Drum. Tradução, prefácio e notas: Fabrício Henrique Meneghelli Cassilhas e Yéo N’gana. Acácia – revista de tradução, Florianópolis, v. 1, n. 2, p. 161-208, 2018. ISSN 2595-3915. Disponível em: <http://www.revista-acacia.com.br/2018/02/elphinstone-dayrell>

www.000webhost.com